Economia

Supermercado 100% on-line é nova tendência de consumo

“A cada novo nível de crescimento do ZIPP, novos diferenciais são agregados, criando uma proposta de valor cada vez mais única.”

O universo digital vem mudando o comportamento do consumidor em várias áreas do comércio. Cada vez mais, as pessoas estão comprando através dos canais digitais, como e-commerce, redes sociais, aplicativos delivery e até mesmo WhatsApp. A estimativa é que as compras on-line dobrem sua participação no varejo até 2021.*

Roupas, eletrônicos, eletrodomésticos… quem nunca comprou ou conhece alguém que já adquiriu algum desses itens através da internet? Mas agora um novo hábito está ganhando a atenção de todos: a possibilidade de fazer as compras de supermercado sem precisar sair de casa. Esse tipo de serviço oferece mais comodidade, economia de tempo e preços menores, já que os custos com espaço físico são reduzidos, permitindo melhorar o valor final dos produtos para o consumidor.

Qual é a principal motivação?

Ir ao mercado é uma atividade que faz parte da programação semanal de quase todos os donos e donas de casa, afinal, quem não precisa comprar comida, itens de higiene pessoal e cuidados com a casa? No entanto, cada vez mais está difícil driblar a rotina corrida e cheia de compromissos para ir ao ponto de venda. Além da falta de tempo, existem outros fatores que desmotivam: trânsito, tempo gasto escolhendo ou procurando os produtos e fazendo comparativos de preços, muitas filas e preços altos.

Mas todo esse cenário está mudando através da transformação digital no varejo. O Zipp é o primeiro supermercado 100% on-line do Brasil e já sentiu o crescimento do interesse da população pelo formato. Seu modo de uso é bem prático: o cliente acessa o site ou o aplicativo e consegue fazer toda a compra para o lar diretamente da plataforma através de um sistema simples e intuitivo. Além de conseguir agendar o dia e a hora de entrega dos produtos, ainda é possível conferir as ofertas especiais na página inicial do site (enquanto no mercado físico as pessoas precisam desbravar os corredores e garimpar promoções).

Nos últimos 6 meses, o faturamento do ZIPP triplicou e a taxa de usuários que voltam a comprar no site, após a primeira experiência, é mais de 70%. Ou seja, quem experimenta, aprova o serviço e se fideliza ao novo modelo de compra.

Os clientes já começaram a perceber também o impacto que o novo modelo traz em suas vidas pessoais, permitindo que as horas que eles gastariam indo ao mercado sejam investidas em mais tempo com a família, em lazer, em esportes, em estudos ou realizando outras atividades que normalmente ficariam em segundo plano.

Entre os feedbacks mais comuns dos clientes que adotaram o sistema de supermercado on-line estão: preços menores, entrega com hora marcada, ter acesso ao histórico de compras e a comodidade de não precisar se locomover. “O Zipp oferece um alto nível de serviço e de experiência ao cliente aliado a preços de supermercados econômicos. O cliente tem acesso à conveniência de receber em casa sem ter que pagar mais caro por isso.” explicou Douglas Pinho, um dos fundadores do Zipp.

Outro fator muito importante na estratégia da empresa é adotar ações inovadoras que vão muito além de vender produtos ou serviços e que possam impactar verdadeiramente na vida dos clientes. “O Zipp está agregando, a cada dia, novos diferenciais, como a comercialização de produtos retornáveis, orgânicos colhidos especialmente para o pedido do cliente e recentemente foi feito um teste de recolhimento de resíduos plásticos para descarte ecológico no momento da entrega do pedido. A cada novo nível de crescimento do ZIPP, novos diferenciais são agregados, criando uma proposta de valor cada vez mais única.” conta Douglas.

Expandindo os horizontes

O aumento significativo no número de clientes e a satisfação dos atuais usuários também abriram caminhos para o Zipp. A plataforma, que atualmente atende nas principais cidades do estado do Rio de Janeiro, já está planejando expandir suas fronteiras e abrir mercado em outras regiões. Adrian Tsallis, um dos fundadores, confirmou os planos: “Atualmente o Zipp atende as principais cidades do Rio de Janeiro, mas busca ativamente expandir para outros mercados. Por enquanto, está em fase de captação de investimentos para que o serviço seja oferecido em outras capitais com a mesma estrutura e excelência do que já existe no Rio de Janeiro.”

A conclusão é que cada vez mais o universo físico está completamente ligado ao virtual. Não existe mais separação. Os dois canais se misturam e se complementam para oferecer soluções criativas e facilitar a vida do consumidor em diferentes aspectos. A tendência de consumo não é apenas ser digital, mas saber conectar o melhor dos dois mundos em benefício do cliente.

Imagem: Divulgação – FreePik

Mais em: ZippOnLine e DINO

Mais Acessadas

Início