Arte

Circuito SESC de Artes 2021 acontece em oito cidades da região de forma on-line e GRATUITA

Entre 8 e 19/9, Americana, Hortolândia, Itapira, Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Nova Odessa, Santa Bárbara e Serra Negra recebem uma série de atividades culturais.

Todas as praças unidas em uma única grande praça digital. Essa é a grande sacada da edição 2021 do Circuito Sesc de Artes, que, em virtude da pandemia de Covid-19, acontece totalmente on-line em 157 municípios do nosso estado. Na região de Campinas serão (além da própria Campinas) oito as cidades que receberão o projeto, que contará com dezenove atividades referentes as artes visuais, circo, cinema, dança, música, teatro, literatura e tecnologias.

Em sua 12ª edição, o evento terá ainda a participação de profissionais, instituições, grupos, coletivos e artistas que atuam nacionalmente e acontece em parceria com prefeituras municipais e sindicatos do comércio locais visando estimular a circulação e a difusão de trabalhos artísticos em cidades onde as unidades do Sesc não estão presentes.

De acordo com Cássio Quitério, coordenador do Circuito Sesc de Artes 2021 pelo Sesc Campinas, uma vez que a programação toda acontece de maneira remota, o link realizado com as cidades participantes, ao contrário das outras vezes, não será através da apresentação de artistas em praças dos municípios escolhidos e sim, no diálogo com artistas, produtores e gestores da cultura em cada uma das cidades, para a elaboração e realização das atividades.

“Tanto para as atividades realizadas e transmitidas ao vivo, quanto para aquelas pré-gravadas, buscamos esse diálogo no intuito de provocar um pertencimento ou uma identificação com as redes que já existem e tem um lastro territorial em cada uma das cidades. Assim, fica marcado um mot

ivo pelo qual as pessoas que residem e vivenciam as cidades possam escolher pelas atividades do Circuito Sesc diante da enxurrada de ofertas que a internet e as redes sociais propiciam diariamente”, explica Quitério.

O diretor do Sesc São Paulo, Danilo Santos de Miranda, por sua vez, comenta que “o Circuito se baseia numa ampla articulação entre a instituição, empresas, as municipalidades e entidades empresariais.” Ele afirma ainda que “esta edição, virtual, integra e conecta diferentes públicos e protagonistas locais das 157 cidades do Estado de São Paulo que, junto à programação artística on-line, são contemplados por ações formativas no campo da gestão e da mediação cultural, além de ações solidárias do programa Mesa Brasil Sesc São Paulo”.

SOBRE AS ATIVIDADES ON-LINE

“Práticas para Reencantar o Mundo – Narrativas Coreográficas On-Line – Vivências” (Dias 8, 9 e 10/9, quarta, quinta e sexta, entre 10h e 21h – Grátis – 16 anos) abre a programação, trazendo a dança para o centro do palco. A atividade, que propõe a construção de tempo e de espaço de performance junto ao público voluntário, cria dimensões variadas de conexão em dança e afetos e é composta por encontros individuais virtuais oferecidos a doze pessoas que já possuam vivência e interesse em dança e que serão selecionadas por meio de um formulário de inscrição. Ao final, a partir da colagem de narrativas coreográficas criadas em encontros individuais com os participantes, a coreógrafa e bailarina Cibele Ribeiro apresenta uma performance solo (dia 17/9, sexta, às 19h30 – Grátis – 12 anos).

Além da dança, o circo e o teatro também estão presentes e o palhaço tem os holofotes sobre si. “A Beleza do Ridículo – Introdução à Palhaçaria” (dias 8, 9 e 10/9, quarta, quinta e sexta, das 18h às 22h, e dia 11/9, sábado, às 15h – Grátis – 16 anos), oficina on-line de introdução à esta arte, tem como foco a experimentação do estado sensível do ridículo, no prazer do jogo e nas diferentes qualidades corporais que podem compor a figura do “palhaçe”, palhaço ou palhaça.

Posteriormente, acontecerá, como conclusão desta oficina, um exercício cênico on-line em uma transmissão aberta a todos (dia 12/9, domingo, às 20h – Grátis – 12 anos).

“Dramaturgia e o Corpo Afetivo da Palhaça/o/e” (dias 13, 14, 15 e 16/9, de segunda a quinta, das 14h às 18h – Grátis – 16 anos) é a segunda oficina sobre o tema. Richard Riguetti, do grupo Off-Sina e Michel Robim, ator, dançarino e coreógrafo, buscam articular as relações fundamentais na poética da Palhaçada e do Brincante: as relações pessoa x palhaça/o/e; palhaça/o/e x palhaça/o/e; palhaça/o/e x objeto; palhaça/o/e x público. Nos quatro encontros que compõem a oficina, o erro será abordado dramaturgicamente como parte do enredo, transpassando o corpo de cada palhaça/o/e. Um exercício cênico aberto e on-line (dia 17/9, sexta, às 20h – Grátis – 12 anos) também será apresentado ao final.

Além da palhaçaria, o ilustre grupo teatral LUME terá veiculada uma de suas grandes obras. “O que Seria de Nós sem as Coisas que Não Existem?” (dia 15/9, quarta, às 19h – Grátis – Livre), que conta a história de três chapeleiros cientistas aposentados, ajudados por um jovem aprendiz, que se reúnem na madrugada silenciosa de uma antiga fábrica para construir o “chapéu perfeito”. Sob esse pretexto, diretor e atores criaram uma fábula cuja dramaturgia parte do real para construir um evento puramente teatral.

Paixões, medos e ilusões presentes nas histórias de vida de operários desta fábrica, alguns aposentados e outros ainda em atividade, foram o ponto de partida para a criação de personagens aparentemente fantásticos.

No campo literário, quem domina a área são os MC’s. O bate-papo “As Batalhas de MC’s dentro do Cenário do Hip Hop” (dia 8/9, quarta, às 20h – Grátis – 16 anos) levanta uma série de questões sobre improvisação, música e sociedade, lançando o evento “Batalhas de MC’s no Circuito Sesc de Artes” (dias 11, 12 e 18/9, sábados e domingo, às 17h30 – Grátis – 16 anos), onde rimadores e rimadoras de diferentes cidades da região de Campinas mostram seus melhores improvisos em um torneio-demonstração.

O “Sarau à Deriva/Parada Poética na Cidade” (dias 14, 15, 16 e 17/9, de terça a sexta, das 18h30 às 18h45 – Grátis – 16 anos), por sua vez, apresenta pílulas poéticas em vídeos de cinco minutos, com quatro artistas carregando pela cidade de Nova Odessa duas poltronas vermelhas, uma caixa de discos de vinil, um gramofone e alguns lambe-lambes para realizar micro saraus, que se instalam em diversos lugares da cidade para ressignificar a paisagem.

Encerrando o tema, “Ateliê de Escrita – Historiografias Independentes” (dias 9, 14 e 16/9, terça e quintas, das 19h30 às 21h30 – Grátis – 16 anos) realiza três encontros de leitura, escrita e trocas, centrados no desafio de escrever a partir de fatos históricos locais e regionais e partindo de perspectivas outras diante da chamada “história oficial”. Os encontros trarão elementos e discussões presentes em métodos e técnicas da crítica historiográfica.

Na sétima arte e na música, os “Primeiros Acordes do Cinema Feitos por Mulheres” exibe três curtas-metragens realizados no início do século 20 por diretoras nos primórdios das projeções em grandes telas. As trilhas sonoras são compostas por integrantes da banda Jazzmin’s (SP) e executadas com a participação de musicistas da Banda Lira de Serra Negra e de organizações musicais de Mogi Guaçu. Cada exibição será aberta por comentários sobre as películas, feitos pela pesquisadora de cinema Vivian Malusá e depoimentos das musicistas envolvidas no projeto. O francês “As Consequências do Feminismo” (dia 17/9, sexta, às 19h – Grátis – Livre), de Alice Guy, e os norte-americanos “Suspense” (dia 18/9, sábado, às 19h – Grátis – Livre) e “When Little Lindy Sang” (dia 19/9, domingo, às 19h – Grátis – Livre) serão os filmes apresentados.

Para o público infantil, “Rádio Sucata – Música, Histórias e Oficina de Construção de Instrumentos Musicais” apresenta quatro vídeo-encontros on-line dedicados às crianças e famílias, compostos por apresentações instrumentais de música infantil comentadas, contações de histórias musicadas, mini oficinas de construção e uso de instrumentos concebidos a partir da sucata. Serão produzidos um tamborzinho de lata (dia 11/9, sábado, das 16h30 às 17h30 – Grátis – Livre), uma pandeirola de papelão (dia 12/9, domingo, das 15h às 16h – Grátis – Livre), um kazoo de garrafa (dia 18/9, sábado, das 16h30 às 17h30 – Grátis – Livre) e uma castanhola de tampinha (dia 19/9, domingo, das 15h às 16h – Grátis – Livre).

Por fim, no campo das artes visuais, o “Pensando Além da Caixa” (dias 8, 10, 14, 16 e 18/9, quarta, sexta, terça, quinta e sábado, às 16h – Grátis – Livre) exibe uma série de cinco episódios em vídeo que retrata a diversidade das poéticas visuais utilizadas por artistas da cidade de Americana, no contexto do lançamento da galeria virtual BOX 3, composta por obras realizadas a partir de uma provocação do TREZ – Coletivo de Arte.

Fique ligado e curta a programação do Circuito Sesc de Artes 2021 – Praças Digitais! Para mais informações, basta acessar o site circuito.sescsp.org.br.

DIA 8/9 | quarta-feira

Dança :: PRÁTICAS PARA REENCANTAR O MUNDO – NARRATIVAS COREOGRÁFICAS ON-LINE – VIVÊNCIAS

Com a coreógrafa e bailarina Cibele Ribeiro. Atividade que propõe a construção de tempo e de espaço de performance junto ao público voluntário, criando dimensões variadas de conexão em dança e afetos. É composta por encontros individuais virtuais, oferecidos a doze pessoas que já possuam vivência e interesse em dança e que serão selecionadas por meio de um formulário de inscrição. Ao final, haverá uma performance solo de Cibele Ribeiro.

Dias 8, 9 e 10/9, quarta, quinta e sexta, entre 10h e 21h, conforme agendamento dos inscritos.

Grátis. 16 anos.

Inscrições limitadas mediante o preenchimento de um formulário direcionado, exclusivamente, às cidades de Americana, Hortolândia, Itapira, Mogi Mirim, Mogi Guaçu, Nova Odessa, Santa Bárbara d’Oeste e Serra Negra.

Link para o formulário:

https://forms.office.com/pages/responsepage.aspx?id=CSnQsYMNLEG-vtUEzuuJyk-Hdcc7Y7lBmvnDA_UlkG9UMTAxTFI2QjlOMlpFSERGV09CQ1VPRDhKMy4u

 

Artes Visuais :: PENSANDO ALÉM DA CAIXA

Com produção do Coletivo TREZ, de Americana/SP. Série de cinco episódios em vídeo que retrata a diversidade das poéticas visuais utilizadas por artistas da cidade de Americana no contexto do lançamento da galeria virtual BOX 3, composta por obras realizadas a partir de uma provocação do TREZ – Coletivo de Arte.
* Atividade com participação de artistas da cidade de Americana.

Dias 8, 10, 14, 16 e 18/9, quarta, sexta, terça, quinta e sábado, às 16h.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

Circo + Teatro :: A BELEZA DO RIDÍCULO – INTRODUÇÃO À PALHAÇARIA

Com Naomi Silman, do LUME Teatro. Oficina on-line de introdução à palhaçaria voltada a estudantes de teatro, atores e atrizes amadores e profissionais, “palhaçes”, com foco na experimentação do estado sensível do ridículo, no prazer do jogo e nas diferentes qualidades corporais que podem compor a figura do “palhaçe”, palhaço ou palhaça. Um processo único e pessoal.

Dias 8, 9 e 10/9, quarta, quinta e sexta, das 18h às 22h.

Dia 11/9, sábado, às 15h.

Grátis. 16 anos.

Inscrições limitadas mediante o preenchimento de um formulário direcionado, exclusivamente, às cidades de Americana, Hortolândia, Itapira, Mogi Mirim, Mogi Guaçu, Nova Odessa, Santa Bárbara d’Oeste e Serra Negra.

Link para o formulário:

https://forms.office.com/pages/responsepage.aspx?id=CSnQsYMNLEG-vtUEzuuJyk-Hdcc7Y7lBmvnDA_UlkG9UNFdKSjhIUjFaWUNUNFM3UDBCS0g3QTJWTS4u

 

Literatura :: AS BATALHAS DE MC´S DENTRO DO CENÁRIO DO HIP HOP – BATE-PAPO

Com Kamau, Mamuti (Circuito Paulista de Batalhas de MC´s) e as MC´s Gabi Nyarai e Clara Lima. Apresentação e mediação: Max B.O.. O que são as batalhas de rima que, antes da pandemia, atraíam as pessoas para as praças onde eram realizadas? Qual é a relevância das batalhas dentro da cena de hip hop no estado de São Paulo, no Brasil e no mundo? Existem técnicas específicas para improvisar com as palavras dentro de uma batalha? Essas e outras questões são tema desse bate-papo ao vivo on-line, que lança o torneio de Batalhas de MC’s no Circuito Sesc de Artes.

Dia 8/9, quarta, às 20h.

Grátis. 16 anos.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

* Com interpretação em Libras.

 

DIA 9/9 | quinta-feira

Literatura :: ATELIÊ DE ESCRITA – HISTORIOGRAFIAS INDEPENDENTES

Com Gabriela Simonetti Trevisan e Mariana Spaulucci Feltrin, do coletivo Historiadores Independentes de Carioba, de Americana/SP. Três encontros de leitura, escrita e trocas, centrados no desafio de escrever a partir de fatos históricos locais e regionais, partindo de perspectivas outras diante da chamada “história oficial”. Os encontros trarão elementos e discussões presentes em métodos e técnicas da crítica historiográfica.

* Atividade com participação de artistas da cidade de Americana.

Dias 9, 14 e 16/9, terça e quintas, das 19h30 às 21h30.

Grátis. 16 anos.

Inscreva-se no link sescsp.org.br/inscricoes, a partir das 14h do dia 2/9. Vagas limitadas. Atividade na plataforma Microsoft Teams, através do envio de link, até o dia da atividade, apenas para os inscritos.

DIA 11/9 | sábado

Infantil – Música + Literatura :: RÁDIO SUCATA – MÚSICA, HISTÓRIAS E OFICINA DE CONSTRUÇÃO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

Com o músico Paulo Salmaci, de Mogi Mirim, e a atriz e contadora de histórias Maria Angélica Urbano, de Mogi Guaçu. Quatro vídeo-encontros on-line dedicados às crianças e famílias, compostos por apresentações instrumentais de música infantil comentadas, contações de histórias musicadas, mini oficinas de construção e uso de instrumentos construídos a partir da sucata. Acompanhe a divulgação nas redes sociais do Sesc Campinas para saber quais materiais serão usados na concepção destes instrumentos e participe fazendo seus comentários.

* Atividade com participação de artistas das cidades de Mogi Guaçu e Mogi Mirim.

 

RÁDIO SUCATA I – O PULO DO SAPO

Música: Sapo Cururu. Instrumento a ser construído: tamborzinho de lata. História: O Sapo e o Boi.

Dia 11/9, sábado, das 16h30 às 17h30.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

Literatura :: BATALHAS DE MC’S NO CIRCUITO SESC DE ARTES

Organização: Mamuti – CPBMC / Juradas: MC Clara Lima e MC Gabi Nyarai / Apresentação: Max B.O. / Bases musicais: Família de Rua. Rimadores e rimadoras de diferentes cidades da região de Campinas mostram seus melhores improvisos em um torneio-demonstração de batalhas. Os/as MC´s participantes foram escolhidos por uma comissão regional de organizadores de batalhas e disputaram uma seleção prévia realizada pelo Circuito Paulista de Batalhas de MC´s, tendo a chance de representarem suas cidades nas eliminatórias e irem para a final com outros MC´s das regiões de Piracicaba, Sorocaba e Jundiaí. Para a fase eliminatória da região de Campinas estão classificados o MC Caldas, de Americana; o MC NGO, de Mogi Guaçu; o MC Inokoshi, de Mogi Mirim; e a MC MK, de Hortolândia.

Dias 11, 12 e 18/9, sábados e domingo, às 17h30.

Grátis. 16 anos.

Para acompanhar, votar nas melhores rimas e improvisos e receber o link da transmissão ao vivo, acesse o link abaixo.

* Com interpretação em Libras.

Link para o formulário:

https://forms.office.com/Pages/ResponsePage.aspx?id=CSnQsYMNLEG-vtUEzuuJyn_h_mQ-rIBBo0Gz6GRCCypUMjJGTDUyWUpCQjJXWjRFVENGRVlVSktSMi4u

 

DIA 12/9 | domingo

Infantil – Música + Literatura :: RÁDIO SUCATA – MÚSICA, HISTÓRIAS E OFICINA DE CONSTRUÇÃO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

Com o músico Paulo Salmaci, de Mogi Mirim, e a atriz e contadora de histórias Maria Angélica Urbano, de Mogi Guaçu. Quatro vídeo-encontros on-line dedicados às crianças e famílias, compostos por apresentações instrumentais de música infantil comentadas, contações de histórias musicadas, mini oficinas de construção e uso de instrumentos construídos a partir da sucata. Acompanhe a divulgação nas redes sociais do Sesc Campinas para saber quais materiais serão usados na concepção destes instrumentos e participe fazendo seus comentários.

* Atividade com participação de artistas das cidades de Mogi Guaçu e Mogi Mirim.

 

RÁDIO SUCATA II – SEM MÚSICA, A VIDA SERIA UM ERRO

Música: Ciranda Cirandinha. Instrumento a ser construído: pandeirola de papelão. História: A Cigarra e a Formiga.

Dia 12/9, domingo, das 15h às 16h.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

Circo + Teatro :: A BELEZA DO RIDÍCULO – EXERCÍCIO CÊNICO ABERTO

Transmissão aberta, ao vivo, de um exercício de conclusão de uma oficina intensiva realizada no Circuito Sesc de Artes 2021, conduzido pela atriz e palhaça Naomi Silman, integrante do LUME Teatro. Uma oportunidade para o público interessado conhecer e reconhecer jogos que fizeram parte do processo e que culminaram nesta reunião de “palhaçes”, palhaços e palhaças, divertida, atrapalhada e cheia de personalidade.

Dia 12/9, domingo, às 20h.

Grátis. 12 anos.

Assista no YouTube do Sesc Campinas – youtube.com/sesccampinas

 

DIA 13/9 | segunda-feira

Circo + Teatro :: DRAMATURGIA E O CORPO AFETIVO DA PALHAÇA/O/E

Com Richard Riguetti, do grupo Off-Sina e Michel Robim, ator, dançarino e coreógrafo. Oficina que pretende articular as relações fundamentais na poética da Palhaçada e do Brincante: as relações pessoa x palhaça/o/e; palhaça/o/e x palhaça/o/e; palhaça/o/e x objeto; e palhaça/o/e x público. Nos quatro encontros que compõem a oficina, o erro será abordado dramaturgicamente como parte do enredo, transpassando o corpo de cada palhaça/o/e.

Dias 13, 14, 15 e 16/9, de segunda a quinta, das 14h às 18h.

Grátis. 16 anos.

Inscrições limitadas mediante o preenchimento de um formulário direcionado, exclusivamente, às cidades de Americana, Hortolândia, Itapira, Mogi Mirim, Mogi Guaçu, Nova Odessa, Santa Bárbara d’Oeste e Serra Negra.

Link para o formulário:

https://forms.office.com/pages/responsepage.aspx?id=CSnQsYMNLEG-vtUEzuuJyk-Hdcc7Y7lBmvnDA_UlkG9UN0dJRU5RVk1RTEEyQlFTUjBNQ0dYRjZMMy4u

 

DIA 14/9 | terça-feira

Literatura :: SARAU À DERIVA / PARADA POÉTICA NA CIDADE

Com Renan Inquérito, MC e organizador da Parada Poética (em Nova Odessa/SP); Nus Passos, poeta e grafiteira; Pepê Ferreira, artista visual e o DJ Viny Blanco. Pílulas poéticas em vídeos de cinco minutos, com quatro artistas carregando pela cidade de Nova Odessa duas poltronas vermelhas, uma caixa de discos de vinil, um gramofone e alguns lambe-lambes para realizar micro saraus, que se instalam em diversos lugares da cidade para ressignificar a paisagem.

* Atividade com participação de artistas da cidade de Nova Odessa.

Dias 14, 15, 16 e 17/9, de terça a sexta, das 18h30 às 18h45.

Grátis. 16 anos.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

DIA 15/9 | quarta-feira

Teatro :: O QUE SERIA DE NÓS SEM AS COISAS QUE NÃO EXISTEM?

Com LUME Teatro (Campinas/SP). Ajudados por um jovem aprendiz, três chapeleiros cientistas aposentados se reúnem na madrugada silenciosa de uma antiga fábrica para construir o “chapéu perfeito”. Sob esse pretexto, diretor e atores criaram uma fábula cuja dramaturgia parte do real para construir um evento puramente teatral. Paixões, medos e ilusões presentes nas histórias de vida de operários de uma fábrica de chapéus, alguns aposentados e outros ainda em atividade, foram o ponto de partida para a criação de personagens aparentemente fantásticos.

* Obra gravada antes da pandemia.

Dia 15/9, quarta, às 19h.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc São Paulo :: youtube.com/sescsp

 

DIA 17/9 | sexta-feira

Cinema e Vídeo + Música :: PRIMEIROS ACORDES DO CINEMA FEITOS POR MULHERES

Cineconcertos on-line, com exibição de três curtas realizados no início do século 20 por mulheres nos primórdios do cinema. As trilhas sonoras são compostas por integrantes da banda Jazzmin’s (SP) e executadas com participação de musicistas da Banda Lira de Serra Negra e de organizações musicais de Mogi Guaçu. Cada exibição será aberta por comentários sobre os filmes feitos pela pesquisadora de cinema Vivian Malusá e depoimentos das musicistas envolvidas no projeto. Composições musicais e arranjos: Lis de Carvalho e Gê Cortes (Jazzmin’s/SP) / Execução: Michele Galdino e Gisele Lima (Mogi Guaçu/SP) / Patricia de Menezes, Angela Fabri e Claudia Felipe da Silva (Serra Negra/SP).

 

AS CONSEQUÊNCIAS DO FEMINISMO

(Les résultats du féminisme; Alice Guy; França; 1906; 7’). Em uma sátira aos costumes e trazendo o tema relacionado à primeira onda feminista, Alice Guy inverte os papéis de homens e mulheres, mostrando, por exemplo, eles cuidando de casa e dos filhos e elas saindo para trabalhar e bebendo no bar.

Dia 17/9, sexta, às 19h.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

Dança :: PRÁTICAS PARA REENCANTAR O MUNDO – NARRATIVAS COREOGRÁFICAS ON-LINE – PERFORMANCE

A partir da colagem de narrativas coreográficas criadas em encontros individuais com doze participantes de diferentes cidades do Circuito Sesc de Artes 2021, Cibele Ribeiro apresenta uma performance solo corporificando dimensões variadas de conexão em dança e afetos.

Dia 17/9, sexta, às 19h30.

Grátis. 12 anos.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

Circo + Teatro: DRAMATURGIA E O CORPO AFETIVO DA PALHAÇA/O/E – EXERCÍCIO CÊNICO ABERTO

Neste encontro, o ator e palhaço Richard Riguetti conduz um exercício cênico aberto e on-line, como conclusão de uma oficina realizada no Circuito Sesc de Artes 2021. O público interessado poderá conhecer e reconhecer jogos que fizeram parte do processo e que culminaram nesta reunião de “palhaças/os/es”, divertida, atrapalhada e cheia de personalidade, que reserva uma surpresa no final.

Dia 17/9, sexta, às 20h.

Grátis. 12 anos.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

DIA 18/9 | sábado

Infantil – Música + Literatura :: RÁDIO SUCATA – MÚSICA, HISTÓRIAS E OFICINA DE CONSTRUÇÃO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

Com o músico Paulo Salmaci, de Mogi Mirim, e a atriz e contadora de histórias Maria Angélica Urbano, de Mogi Guaçu. Quatro vídeo-encontros on-line dedicados às crianças e famílias, compostos por apresentações instrumentais de música infantil comentadas, contações de histórias musicadas, mini oficinas de construção e uso de instrumentos construídos a partir da sucata. Acompanhe a divulgação nas redes sociais do Sesc Campinas para saber quais materiais serão usados na concepção destes instrumentos e participe fazendo seus comentários.

 

RÁDIO SUCATA III – ESPERTEZA QUANDO É DEMAIS, ENGOLE O DONO

Música: Meu Galinho. Instrumento a ser construído: kazoo de garrafa. História: O Galo e a Raposa.

* Atividade com participação de artistas das cidades de Mogi Guaçu e Mogi Mirim.

Dia 18/9, sábado, das 16h30 às 17h30.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

Cinema e Vídeo + Música :: PRIMEIROS ACORDES DO CINEMA FEITOS POR MULHERES

Cineconcertos on-line, com exibição de três curtas realizados no início do século 20 por mulheres nos primórdios do cinema. As trilhas sonoras são compostas por integrantes da banda Jazzmin’s (SP) e executadas com participação de musicistas da Banda Lira de Serra Negra e de organizações musicais de Mogi Guaçu. Cada exibição será aberta por comentários sobre os filmes feitos pela pesquisadora de cinema Vivian Malusá e depoimentos das musicistas envolvidas no projeto. Composições musicais e arranjos: Lis de Carvalho e Gê Cortes (Jazzmin’s, SP) / Execução: Michele Galdino e Gisele Lima (Mogi Guaçu, SP) / Patricia de Menezes, Angela Fabri e Claudia Felipe da Silva (Serra Negra, SP).

 

SUSPENSE

(Suspense; Lois Weber e Phillips Smalley; EUA; 1913; 10’). Um vagabundo espreita uma mãe e seu filho que estão sozinhos em casa, em um local afastado da cidade, enquanto o pai, seguido pela polícia, corre para casa para tentar resgatá-los.

Dia 18/9, sábado, às 19h.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

DIA 19/9 | domingo

Infantil – Música + Literatura :: RÁDIO SUCATA – MÚSICA, HISTÓRIAS E OFICINA DE CONSTRUÇÃO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

Com o músico Paulo Salmaci, de Mogi Mirim, e a atriz e contadora de histórias Maria Angélica Urbano, de Mogi Guaçu. Quatro vídeo-encontros on-line dedicados às crianças e famílias, compostos por apresentações instrumentais de música infantil comentadas, contações de histórias musicadas, mini oficinas de construção e uso de instrumentos construídos a partir da sucata. Acompanhe a divulgação nas redes sociais do Sesc Campinas para saber quais materiais serão usados na concepção destes instrumentos e participe fazendo seus comentários.

 

RÁDIO SUCATA IV – FILHO DE CARANGUEJO, CARANGUEJINHO É MÚSICA: CARANGUEJO NÃO É PEIXE.

Instrumento a ser construído: castanholas de tampinha. História: O Caranguejo e sua Mãe.

* Atividade com participação de artistas das cidades de Mogi Guaçu e Mogi Mirim.

Dia 19/9, domingo, das 15h às 16h.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

Cinema e Vídeo + Música :: PRIMEIROS ACORDES DO CINEMA FEITOS POR MULHERES

Cineconcertos on-line, com exibição de três curtas realizados no início do século 20 por mulheres nos primórdios do cinema. As trilhas sonoras são compostas por integrantes da banda Jazzmin’s (SP) e executadas com participação de musicistas da Banda Lira de Serra Negra e de organizações musicais de Mogi Guaçu. Cada exibição será aberta por comentários sobre os filmes feitos pela pesquisadora de cinema Vivian Malusá e depoimentos das musicistas envolvidas no projeto. Composições musicais e arranjos: Lis de Carvalho e Gê Cortes (Jazzmin’s, SP) / Execução: Michele Galdino e Gisele Lima (Mogi Guaçu, SP) / Patricia de Menezes, Angela Fabri e Claudia Felipe da Silva (Serra Negra, SP).

 

WHEN LITTLE LINDY SANG

(Lule Warrenton; EUA; 1916; 10’). O curta-metragem aborda o racismo e o bullying no ambiente escolar através da história de Little Lindy, uma garotinha negra que tem uma linda voz.

Dia 19/9, domingo, às 19h.

Grátis. Livre.

Assista no YouTube do Sesc Campinas :: youtube.com/sesccampinas

 

Imagens: Divulgação

Mais em: SESC Campinas

Mais Acessadas

Início