Escultura

Figura e Modernidade: Rodin no acervo da Pinacoteca de SP, em CAMPINAS

Acervo completo de Auguste Rodin da Pinacoteca será exibido, pela primeira vez, ao público do interior paulista na galeria do Instituto CPFL.

A Pinacoteca de São Paulo, museu da secretaria da cultura e economia criativa do estado de São Paulo, e o Instituto CPFL apresentam, de 20 de março a 29 de junho de 2019, pela primeira vez ao público do interior paulista, a exposição figura e modernidade: rodin no acervo da pinacoteca de são paulo, que reúne a coleção completa da pinacoteca referente ao artista francês. Com curadoria de Valéria Piccoli, curadora-chefe do museu, o conjunto de 10 esculturas originais e 76 fotografias documentais da vida do artista será exibido gratuitamente no Instituto CPFL, em Campinas.

A exposição conta com recursos educativos, desenvolvidos pelo NAE – Núcleo de Ação Educativa da pinacoteca, para uso autônomo, que estimula a participação do público de todas as idades, criando novas relações com as obras. o agendamento de visitas pode ser feito por e-mail monitoriainstitutocpfl@gmail.com ou pelo telefone (19.3756.8000).

Sobre a coleção atual do museu, Valéria Piccoli comenta que “trata-se de fundições recentes de obras clássicas do artista, realizadas sob supervisão do museu francês”. fazem parte também da coleção da pinacoteca um conjunto de 76 fotografias em que o artista aparece trabalhando em seu ateliê, acompanhado de modelos de suas esculturas ou mesmo de amigos e mecenas. “esse material é constituído de fac-símiles de itens dos arquivos do musée rodin e ajudam a compor um percurso cronológico pela vida do artista, mostrando outros artistas e intelectuais que ele admirava e com quem se relacionava. mais curioso é que algumas dessas fotos revelam como Rodin utilizava a fotografia no processo de composição de suas esculturas ”, completa ela.

A parceria entre o Instituto CPFL e a pinacoteca se iniciou em 2012, quando ambos organizaram, na sede da segunda, a exposição gênese e celebração, com coleção de peças tradicionais africanas. em 2013, foi a vez da mostra 100 de anos arte paulista, que aconteceu na sede do instituto cpfl, em campinas, e apresentou ao público 50 obras de artistas atuantes entre 1912 e 2012, como Di Cavalcanti, Portinari, Pancetti e Tomie Ohtake.

“Para nós, é um imenso prazer voltar a trabalhar com a Pinacoteca, uma instituição centenária, a exemplo da CPFL Energia, em um país onde tal longevidade não é a tradição”, comenta Mário Mazzilli, diretor-superintendente do Instituto CPFL.

A relação da Pinacoteca com o escultor Auguste Rodin (1840-1917) se iniciou em 1995, no contexto das exposições Rodin: esculturas erodin e a fotografia, realizadas em parceria com o museu Rodin, de Paris. as mostras receberam, juntas, mais de 183 mil pessoas e marcaram também o início das exposições internacionais de grande porte na instituição.

SERVIÇO

Figura e Modernidade: Rodin no Acervo da Pinacoteca de São Paulo
Data: De 20 de Março a 29 de Junho de 2019
Local: Instituto CPFL (Rua Jorge Figueiredo Corrêa, 1.632, Chácara Primavera, Campinas)
Telefone: (19) 3756-8000
Horário de visitação: Segunda e terça, das 9h às 18h; quarta a sexta-feira, das 9h às 19h; sábado, das 10h às 16h
Entrada GRATUITA
Serviço Arte Educação: agendamento de visitas monitoradas podem ser feitas por e-mail monitoriainstitutocpfl@gmail.com ou pelo Telefone: (19) 3756-8000
Mais informações: www.institutocpfl.org.br

Imagens: Divulgação

Mais em: Instituto CPFL e Pinacoteca

  

Mais Acessadas

Início