Meio Ambiente

5 filmes importantes para preservação do meio ambiente

Confira 5 filmes que vão fazer você refletir sobre a importância da preservação da natureza!

Infelizmente, poluição, aquecimento global, desmatamento, derretimento das calotas polares e outros temas ambientais fazem parte de nossas discussões do dia a dia e as coisas parecem piorar conforme o tempo passa.

Todos os dias ouvimos, vemos ou lemos algo que indica que o meio ambiente sofreu mais uma derrota.

Felizmente, existem pessoas que estão tentando fazer a diferença… as organizações de meio ambiente se envolvem cada vez mais e até o homem comum tenta fazer sua parte na redução de sua pegada de carbono. O mundo artístico não ficou alheio a este problema e envolveu-se o melhor que pôde.

Muitos longas-metragens e documentários abordam o assunto no dia a dia, se não como enredo principal, pelo menos como tema do filme.

Só podemos esperar que esses filmes aumentem a conscientização e que nem tudo esteja perdido. Aqui estão 5 grandes filmes (longas e documentários) que mantêm viva a luta pela proteção ambiental. Confira!

1 – Uma Verdade Inconveniente 

Infelizmente, para alguns, isso sempre será lembrado como o “filme de Al Gore”, mas “Uma Verdade Inconveniente” é, na verdade, um documentário chocante e muito bem-feito sobre o aquecimento global.

O fato de ter Al Gore (vice-presidente dos EUA entre 1993 e 2001) apenas o tornou polêmico e deu um lançamento mais amplo. Dependendo de com quem você fala, este foi o filme mais importante ou o mais prejudicial para o movimento ambiental.

Ele apresentou o caso científico para o aquecimento global em termos inequívocos, mas parecia polarizar as pessoas sobre o assunto.

No entanto, foi historicamente importante na abertura de fundos para o gênero documentário. Na tentativa de tornar um assunto tão severo atraente, pedaços de animação atraentes foram introduzidos. No geral, um documentário que definitivamente vale a pena assistir.

2 – Wall-E 

Em um futuro distante, os humanos abandonaram a Terra porque há muito lixo nela. Wall-E, um pequeno robô coletor de resíduos – vive sozinho no planeta com uma barata de estimação.

Ele tem uma grande coleção de coisas: isqueiros, um iPod funcional, uma pequena caixa de anel (sem o anel) e a última planta viva. Quando uma nave espacial vem à Terra e lança uma sonda elegante e perigosa (EVE) para procurar uma planta viva, Wall-E se apaixona por ela.

“Wall-E” foi muito bem recebido pelo público e pela crítica não só por ser uma história de amor muito comovente, mas também pela ousadia de tocar em um assunto tão perigoso como os dejetos humanos. Falar sobre esse assunto em um filme de animação é realmente um ato de coragem.

3 – Princesa Mononoke 

Este filme de animação do mestre de anime Hayao Miyazaki foi um grande sucesso com o público oriental.

Mas a grande surpresa veio do fato de que o filme também foi sucesso em todo o mundo.

A história segue o envolvimento do jovem guerreiro Emishi Ashitaka em uma luta entre os deuses da floresta e os humanos que consomem seus recursos.

Ashitaka está infectado com uma doença incurável vinda de um deus javali possuído. Sua única esperança é viajar ao Extremo Oriente para obter ajuda de outros seres sobrenaturais. É aqui que a história toma uma direção ambiental.

Ashitaka se encontra no meio de uma batalha entre os animais habitantes da floresta e uma cidade de mineração de ferro que está explorando e matando a floresta.

4 – A Qualquer Preço 

“A Qualquer Preço” é um filme muito importante para a luta ambiental, mas também é muito sombrio e corajoso quando se refere ao resultado dessa luta.

O filme é baseado no livro de não ficção com o mesmo nome e a situação apresentada é, infelizmente, muito real.

A história começa com o foco no advogado arrogante e tenaz Jan Schlichtmann (John Travolta), que usará todos os meios necessários para ganhar um caso e colocar dinheiro no bolso.

Um dia, ele enfrenta um caso que acha que será fácil e que lhe trará fama e fortuna. O caso diz respeito às famílias de um casal de crianças falecidas, que querem processar um gigantesco conglomerado de alimentos porque acreditam que a empresa é responsável por envenenar seus filhos e atingi-los fatalmente com câncer.

No entanto, pode ser que Jan não consiga vencer. Não apenas isso, mas o caso pode arruinar Jan de mais de uma maneira: seu orgulho, sua ambição e, em última análise, sua carreira.

À medida que as pressões do caso começam a afetar tanto a acusação, a defesa, quanto as famílias, Jan está prestes a perceber que assumiu o maior caso de sua vida e que há um preço a pagar.

Travolta faz um trabalho muito bom ao retratar o advogado arrogante que lentamente começa a mostrar seu lado humano e Robert Duvall se destaca como o advogado cínico que representa as empresas de alimentos que não dão a mínima para o que é certo e errado. Ao contrário de Jan, ele só quer ganhar o caso, sem se envolver pessoalmente.

5 – No Mundo de 2020 

“No Mundo de 2020” foi um dos primeiros filmes a tratar a questão ambiental de forma alarmante. Ele realmente capturou a atenção e a imaginação das pessoas com suas imagens distópicas de superpopulação e poluição, por causa da forte industrialização do século XX.

O filme se passa em 2022 onde frutas, vegetais e carnes naturais estão extintos.

A Terra está superpovoada e a cidade de Nova York tem 40 milhões de pessoas famintas e pobres. A única maneira de sobreviverem é com rações de água e comendo um alimento misterioso chamado Soylent. O detetive de polícia Thorn (Charlton Heston) investiga o assassinato do presidente da Soylent Company.

Em sua investigação, ele se depara com a maior conspiração do mundo envolvendo a comida misteriosa que as pessoas acham que é a única chave para a sobrevivência.

Não se deixe enganar pela máscara distópica do filme; por trás da história de detetive, “No Mundo de 2020” é um filme muito forte em termos de consciência ambiental.

Esperamos que após conferir essa incrível seleção de filmes, você passe a enxergar a preservação do meio ambiente com outros olhos. Inclusive, diversas empresas participam dessa luta direta ou indiretamente.

É o caso de empresas de seguro auto que estimulam seus usuários a utilizar cada vez menos seus veículos, em troca de uma fatura reduzida no final do mês. Dessa forma, todos podem colaborar com a natureza!

Imagens: Divulgação – Foto abertura Annie Spratt no Unsplash

Mais em: ThinkSeg e SEO Marketing

Mais Acessadas

Início