Educação

Professora brasileira é finalista do Nobel da Educação

Doani está entre os 10 finalistas do Global Teacher Prize 2020, considerado o Nobel da Educação, pelo trabalho realizado com alunos surdos.

Por: Júlia PereiraObservatório do Terceiro Setor

A professora Doani Emanuela Bertan, de Campinas (SP), está entre os 10 finalistas da premiação Global Teacher Prize 2020, considerado o Nobel da Educação.

Além de Doani, outros dois professores brasileiros estão entre os finalistas.

O prêmio foi criado pela Varkey Foundation em parceria com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), com o objetivo de reconhecer o trabalho de educadores de vários lugares do mundo por projetos e ideias inovadoras.

O resultado será anunciado no dia 03 de dezembro. O vencedor receberá o valor de US$ 1 milhão (cerca de R$ 6 milhões).

Doani é professora de ensino bilíngue em libras e português na Escola Municipal Júlio Mesquita Filho e afirma que quer solidificar a educação especial nas escolas brasileiras.

A professora criou o projeto Sala8, canal de Youtube onde ela divulga vídeo aulas em libras e língua portuguesa das disciplinas de matemática, português, geografia e ciências.

Todas as aulas são ministradas por Doani e visam gerar acessibilidade para alunos surdos.

Essa não é a primeira vez que Doani é finalista da premiação. Em 2017, ela também concorreu com outro projeto.

Imagem: Divulgação

Mais em: Observatório do Terceiro Setor 

Mais Acessadas

Início